“Bengo troca Quiosa por Bica”

0
97
Tomás Bica,administrador do municipal do Cazenga

Em véspera de pré-campanha eleitoral, o MPLA vê “valências” ao actual administrador  municipal do Cazenga, para galvanizar o Bengo.

De regresso aos Estados Unidos da América onde participa da Assembleia-Geral das Nações Unidas (ONU), apurou o apública de fontes próximas ao processo, que o Presidente da República, João Lourenço, fará mexidas ao seu staff, com vista ajustar algumas peças que, para ele, vão ser imprescindíveis na época pré e após eleitoral. 

Tomás Bica, de 40 anos, é apontado, nos corredores do edificio da Hochi-Mim, como possível futuro governador da Província do Bengo, substituindo no cargo Mara Quiosa.

É sabido que o jovem “produto” de Bento Bento, Paulo Pombolo e de Anabela Diniz, depois da sua suspensão na direcção da organização juvenil do MPLA, em Luanda, foi nomeado Assistente Principal do Departamento de Organização e Mobilização do Comité Central do MPLA, órgão que esteve directamente ligado ao grupo de avanço do actual líder dos “camaradas”, nas eleições de 2017.

Com 24 anos de militância pelos “camaradas”, o jovem político sempre esteve ligado à política, a religiosa e o associativismo, este último deste os tempos do escutismo.

Seja o primeiro a comentar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva o seu comentário
Por favor, escreva o seu nome aqui